Assembleia geral desta terça-feira decide pela paralisação de 24h no dia 24/05

Em assembleia geral ocorrida na tarde desta terça-feira (23) no campus Ouro Preto, a maioria dos presentes decidiu pela adesão à paralisação nacional  de 24h no dia 24/05 (quarta-feira) . O dia 24 de maio foi escolhido por diversas centrais sindicais do país como mais um dia nacional de luta contra as reformas do governo de Michel Temer, em especial a Reforma da Previdência e a Reforma Trabalhista. A paralisação também pede a retirada imediata do governo ilegítimo de Temer – que se desmontou após divulgação das conversas criminosas entre o presidente e os empresários da JBS – e a convocação de eleições diretas para o Executivo.